DestaqueEsporteLimeira

A ubatubense Sarah C. Firme Galvão tem atuação dominante e fatura a medalha de ouro no Panamericano

Atualizado as 14:20

Vinda da prestigiada Equipe Atos, sob a orientação de seus renomados pais, André Galvão e Angélica C. Firme Galvão, Sarah Galvão incorpora o legado de excelência que está profundamente enraizado em sua linhagem familiar. Como faixa-roxa prodígio, ela vem chamando a atenção com suas notáveis habilidades e tenacidade no tatame. Tendo iniciado sua jornada no jiu-jitsu ainda jovem, a ascensão meteórica de Sarah serve como um testemunho da evolução do cenário do esporte, onde jovens atletas como ela estão fazendo ondas e alcançando níveis técnicos de elite mais jovens do que nunca. Recém conquistada a medalha de ouro no Europeu da IBJJF de 2024, onde estreou na IBJJF na faixa roxa adulta, Sarah agora conquistou também neste dia 20 de março, o Panamericano.
Sarah C. Firme Galvão está mostrando porque é que ela é a melhor semente na divisão de peso leve. Foram 3 lutas e 3 finalizações para avançar para a final.
Foram 4 lutas e 4 finalizações para levar pra casa o ouro do Panamericano.
Foi mais uma bela performance de Sarah Galvão no Pan. Ela ganhou o ouro na Divisão Peso Leve.
Também conquistou o duplo ouro neste Pan.
Esse ano Sarah também ganhou o Europeu, e uma super luta no GP IBJJF em seu primeiro ano de roxa adulto.