Policial

Incidente de Lesão Corporal em Cordeirópolis: Autor Armado com Faca Agride Vítima

Uma noite de tensão marcou o Jardim São Luiz, em Cordeirópolis/SP, onde um ato de violência deixou uma pessoa ferida por arma branca. O Pelotão Delta, da 5ª Cia da Polícia Militar, foi acionado para atuar nesse grave caso de lesão corporal dolosa por uso de faca.

A equipe, composta pelos Cabos PM André Luiz e Santos, a bordo da viatura I-36542, deslocou-se até a Rua Alice Zaia Gardezani, n° 1137, onde o incidente ocorreu. O Boletim de Ocorrência Policial Militar (BOPM) foi registrado sob o número 17666.

A vítima, um homem de 26 anos, encontrava-se no Pronto Atendimento do Hospital de Cordeirópolis, recebendo atendimento médico após ter sido alvo de múltiplos golpes de faca. As lesões, localizadas na testa, lateral direita próxima à bacia e nas costas, não apresentavam gravidade, segundo informações do médico Dr. João Brambilla Maronesi, CRM 164506, responsável pelo atendimento.

O irmão da vítima, de 16 anos, também testemunhou o ocorrido e aguardava atendimento médico devido a uma pancada no braço esquerdo, resultado de sua tentativa de defender o irmão durante o ataque.

O incidente teve início após um desentendimento com um ex-amigo da vítima, que costumava provocá-lo. Após uma discussão, o ex-amigo se retirou do local, mas retornou pouco tempo depois acompanhado de mais três pessoas em um veículo VW Gol, modelo geração III, de cor escura. O pai do ex-amigo desceu do veículo com uma faca, enquanto os outros portavam chaves de roda de carro. A vítima e seu irmão tentaram se defender, mas a situação resultou em cinco golpes de faca na vítima.

Os agressores fugiram do local no veículo Gol após a briga. As partes envolvidas desconhecem o nome do agressor, apenas indicando que ele reside na Rua Angelo Zaros no Jardim Progresso e trabalha como motorista de caminhão.

O Centro de Polícia Judiciária de Limeira foi informado sobre o ocorrido, dispensando a perícia no local e solicitando a apresentação dos dados da ocorrência. O Boletim de Ocorrência Policial Civil (BOPC) N° BP6093-1/2024 foi elaborado pelo delegado de plantão Dr. Dimas Fernando Custódio. O atestado de corpo delito da vítima, assinado pela médica Dra. Natália de Sousa Morais, CRM-SP 243684, foi entregue à autoridade policial para as devidas providências legais.