EsporteUbatuba

Circuito de Surfe da WSL começa na Itamambuca 

Muito surfe e atividades para toda a família irão movimentar a praia de Itamambuca. Começou o Circuito Banco do Brasil de Surfe – um QS (Qualifying Series) da WSL (World Surf League – Liga Mundial de Surfe), que há 11 anos não era realizado em Ubatuba. 

A competição, que é a terceira e decisiva etapa que vai definir os campeões do Circuito, teve início às 8h desta quinta-feira e seguirá até domingo, 28 de agosto, com mais de 100 atletas de todo o Brasil e países vizinhos. Na tarde de ontem, durante entrevista coletiva para imprensa e apresentação da WSL, cinco atletas que irão participar da disputa falaram sobre as expectativas para enfrentar as ondas de Itamambuca, entre eles dois ubatubenses Gabriel Klaussner e Nairê Marquez. 

“Minha expectativa para esse campeonato é bem alta. Na real, tem muita pressão, porque estou em casa, com a família, amigos, mas estou muito feliz em ter um evento do QS aqui de novo”, comentou Nairê Marquez – uma das representantes de Ubatuba na grande final do Circuito Banco do Brasil de Surfe. A ubatubense neste ano também já esteve em eventos do Qualifying Series na Argentina, Equador e Chile. 

Durante a entrevista, Gabriel Klaussner também de Ubatuba reforçou a alegria de competir em casa. “Desde criancinha meu pai me colocava em cima da prancha, inclusive aqui no rio de Itamambuca, porque meu pai sempre surfou. Estou amarradão de poder estar disputando o título do circuito em casa. Mas, sei que o Heitor (Mueller) surfa muito bem essa onda também. A leitura dele é muito boa e com certeza não vai ser um adversário fácil”, comentou Gabriel que é o vice-líder no ranking do Circuito Banco do Brasil de Surfe e está na disputa direta pela vaga para o Challenger de Saquarema. 

Participaram ainda da coletiva Heitor Mueller, que assumiu a segunda posição no ranking regional da WSL Latin America, classicatório para o Challenger Series de 2023; Laura Raupp, que venceu a primeira etapa do Qualifying Series que disputou em 2021 na Praia Mole de Florianópolis (SC); e Silvana Lima, que foi vice-campeã mundial duas vezes e participou da estreia do surfe nas Olimpíadas de Tóquio no Japão. 

Atividades extras 

Além de assistir aos shows de surfe na Itamambuca, até domingo, os visitantes terão a oportunidade de fazer de maneira gratuita atividades de yoga, ginástica e surfe. Também estarão disponíveis quadras de Beach Tennis e Futevôlei. Todos os professores serão do município.  E para aqueles que necessitarem de manutenção na prancha, terá uma equipe realizando o conserto no local. 

O evento é uma realização WSL, com patrocínio Banco do Brasil e BB Ásset Management e apoio da Prefeitura Municipal de Ubatuba. 

TOP-5 DO CIRCUITO BANCO DO BRASIL DE SURFE – 2 etapas: 

RANKING FEMININO: 

1.a: Silvana Lima (BRA) – 1.650 pontos 

1.a: Taina Hinckel (BRA) – 1.650 pontos 

3.a: Kemily Sampaio (BRA) – 1.150 

4.a: Julia Santos (BRA) – 1.000 

5.a: Juliana dos Santos (BRA) – 850 

RANKING MASCULINO: 

1.o: Heitor Mueller (BRA) – 1.200 pontos 

2.o: Gabriel Klaussner (BRA) – 1.150 

3.o: Messias Felix (BRA) – 1.095 

4.o: Santiago Muniz (ARG) – 1.000 

5.o: Krystian Kymerson (BRA) – 860